X

Qual departamento
você deseja contato?

X

Qual departamento
você deseja contato?

X

Onde gostaria que estivéssemos?
Nos ajude a estar presente perto de você.

X

Venha fazer parte
da Equipe Moo!

X

Quer ter Moo na sua loja?
Preencha seus dados e seja o nosso parceiro.

X

Faça parte da família Moo.

Nutrição e Alimentação

Conheça o mel e todos os seus benefícios.

por Moo Writers | 19/02/2020

Quantas vezes você já ouviu da sua avó que comer mel faz bem para a saúde? E ela estava com toda a razão! O mel é um poderoso alimento, que beneficia nosso corpo de várias formas, principalmente o sistema imunológico. Neste artigo, vamos falar sobre todos os benefícios do mel e como aproveitar sua versatilidade. Confira!

O que é o mel?

A fabricação do mel começa com a coleta do néctar das flores. Ele é guardado em uma bolsa no corpo da abelha e levado para a colmeia. As glândulas localizadas na sua cabeça secretam duas enzimas que reagem com o açúcar do néctar.

Uma enzima, chamada invertase, transforma o néctar em glicose e frutose. A outra, glicose oxidase, lhe confere acidez, impedindo sua fermentação. Batendo as asas, a abelha seca o excesso de água presente no néctar, matando outros microorganismos.

Você sabia que para fazer 500g de mel são necessárias cerca de 60 mil abelhas, viajando por uma área de quase 100 km e visitando aproximadamente 2 milhões de flores? Sem dúvidas, é um belo trabalho em equipe!

As propriedades do mel

O mel tem muitas propriedades nutritivas. Nele, encontramos potássio, magnésio, sódio, cálcio, fósforo, ferro, manganês, cobalto, cobre e alguns outros minerais. Entre estes nutrientes, o potássio é o que está mais presente, sendo importante para o equilíbrio da pressão arterial.

Ele também possui alguns ácidos orgânicos. Um deles, o ácido glucônico, ajudam na formação do peróxido de hidrogênio, um poderoso antibactericida. O ferro e o cobre contribuem para a ação antimicrobiana.

Podemos encontrar ainda ácidos fenólicos, flavonoides, certas enzimas – como glicose oxidase, catalase e peroxidase -, ácido ascórbico, e carotenóides. Todas essas substâncias auxiliam no combate aos danos causados por agentes oxidantes, presentes nos alimentos e no corpo humano; assim prevenindo o envelhecimento e as doenças cardiovasculares, entre outras coisas.

Por ser rico em carboidratos e açúcar, ele é uma ótima fonte de energia. No entanto, seu consumo deve ser moderado, já que ele é doce. Uma porção de 25 gramas, pouco mais de uma colher de sopa, tem 77 calorias.

Ainda assim, o mel é muito mais saudável para a alimentação do que o açúcar refinado. Isso porque ele possui uma série de substâncias que proporcionam benefícios para o organismo. Já o açúcar é fonte de “calorias vazias”, sem agregar nutrientes ao nosso corpo.

Por que o mel é tão benéfico para a saúde?

Se você é daquelas pessoas que não gosta muito de consumir mel, quem sabe irá repensar após descobrir todos os benefícios que ele proporciona. Devido à suas propriedades, é considerado antisséptico, antioxidante, anti-reumático, diurético, digestivo, expectorante e calmante.

Sua ação antimicrobiana é capaz de impedir o crescimento ou até mesmo destruir micro-organismos, protegendo nosso corpo contra doenças. Ele é bom, por exemplo, para dores de garganta, aliviando-as momentaneamente.

No caso de problemas respiratórios, o mel pode ajudar suavizando os sintomas de desconforto. Para o intestino, ele ajuda na manutenção da flora intestinal.

Esses são os principais benefícios do mel, mas existem muitos outros! Apesar disso, é importante ressaltar que ele contribui para amenizar alguns sintomas, mas não promove a cura das doenças em si.

Todos podem consumir o mel?

O consumo de mel não é indicado para crianças menores de um ano. É que nesta fase existe a possibilidade de intoxicações graves com uma bactéria encontrada comumente no mel chamada Clostridium botulinum. Como o sistema digestivo da criança pode não estar completamente desenvolvido e maduro, ele não se defende de forma eficiente de corpos estranhos.

Aquelas pessoas que possuem diabetes também devem evitar o mel. Como é rico em açúcar, ele pode levar a picos de glicemia no organismo. Grávidas também devem ficar atentas a este alimento e procurar incluí-lo em uma dieta saudável, a fim de evitar o risco de diabetes gestacional.

Por fim, aquelas pessoas com tendência a alergias podem desenvolver reações alérgicas manifestando mal-estar gástrico e até dor de estômago, devido aos grãos de pólen presentes no mel. Sendo assim, também não é indicado o consumo.

Aproveite da sua versatilidade.

O mel é bastante versátil, sendo consumido e utilizado de diversas formas. Aproveite para usá-lo para substituir o açúcar refinado na preparação de bolos, tortas, biscoitos, entre outros doces. Também é interessante consumi-lo com torradas, frutas, iogurtes, sucos e até mesmo na receita de carnes.


O que combina muito bem com o mel?

Como possui ação prebiótica, que melhora a microbiota intestinal, o mel vai muito bem com cereais, que são ricos em fibras. Também é possível combinar o mel com frutas para a prática de exercícios físicos, já que ambos são fontes de carboidratos. Ah, e que tal reunir todos os benefícios do mel com iogurte? Sem dúvida essa dupla só vai fazer bem para a sua saúde!

O melhor amigo da beleza

Os benefícios do mel para a pele também são muitos. Como é rico em antioxidantes, como ácidos fenólicos, flavonoides e carotenoides, ele contribui para a diminuição dos radicais livres. Ou seja, previne o envelhecimento precoce e contribui para a pele mais bonita e saudável.

Muitos produtos cosméticos como sabonetes e cremes têm o mel em sua composição. Além das suas propriedades antimicrobianas, o mel é um produto umectante, ideal para o tratamento capilar. Pode fazer parte de shampoos, hidratantes e condicionadores.

Depois de ler o quanto o mel faz bem para a saúde, que tal começar a consumi-lo mais? Aproveite para conhecer nosso iogurte com mel e toda linha dos sabores da Moo!

dúvidas?

O que são os Probióticos?

Os Probióticos são bactérias do bem que agregam diversos benefícios para a sua saúde, uma delas é melhorar o funcionamento do seu sistema digestivo. Para um melhor resultado, não se esqueça: pratique exercícios regularmente.

O Moo é orgânico?

Não. O Moo é feito apenas com leite de excelente qualidade e livre de hormônios e aditivos. Todo os nossos processos são altamente controlados para garantir sempre o melhor leite e o melhor iogurte para você.

O Moo é feito na Islândia?

Não. O Moo é produzido no Brasil, na cidade de Brodowski, interior de São Paulo. Seguimos a receita e todos os processos para garantir o verdadeiro Skyr para você. Moo é o primeiro Iogurte Tipo Skyr do Brasil.

As embalagens são 100% recicláveis?

Sim. Através do Eu Reciclo, compensamos todas as nossas embalagens plásticas, alumínio e papelão. Saiba mais sobre este processo através do site www.eureciclo.com.br

O que é Enzima Lactase?

A Enzima Lactase é responsável por transformar a lactose presente no leite em dois outros açúcares: a glicose e a galactose. Desta forma, você não terá desconfortos. Lembre-se: consuma, preferencialmente, sob sob orientação de nutricionista ou médico.

O que é Pectina Cítrica?

A Pectina Cítrica é um tipo de fibra solúvel encontrada nas frutas e vegetais, sendo um componente natural desses alimentos. Ela é utilizada para transformar a polpa de frutas em geleia. Desta forma, é possível obter uma geleia deliciosa e natural.

Eu tenho intolerância a lactose, posso consumir o Moo?

Sim! Se você tem apenas intolerância a lactose pode consumir normalmente. Lembre-se consuma preferencialmente sob orientação de nutricionista ou médico.

Consigo comprar pela Internet?

Sim! Você pode comprar através do nosso delivery: link: bit.ly/moodelivery. Não esqueça de checar se a sua cidade e região é atendida ok?

Se houver líquido em cima do meu iogurte quando eu abrir, tudo bem?

Sim! O líquido que ocasionalmente pode ser encontrado em cima do iogurte é o soro de leite. Quando isso acontecer você pode mexer e consumir normalmente.

clique aqui para carregar mais dúvidas